Dieta Low Carb: O Que Você Pode E O Que Não Pode Consumir

low carb

A dieta Low Carb é uma das mais faladas do momento e vemos constantemente celebridades e artistas falando dos milagres dessa dieta para quem quer emagrecer.

Porém, como nela só podem ser ingeridos alimentos sem ou com pouco carboidrato, é necessário que você saiba o que pode e o que não pode consumir caso opte por fazer essa dieta.

O objetivo do artigo é apenas dar dicas, pois é necessário acompanhamento de uma nutricionista para que adequar a melhor dieta ao seu perfil.

Confira alguns alimentos da Dieta Low Carb

low carb

1 – Verduras e Legumes

Você sabia que não são todas as verduras e os legumes que são considerados low carb? Pois é. Abóbora, por exemplo, não é. Aposte em: abobrinha, agrião, berinjela, aipo, tomate cereja, couve, cebola chuchu, vagem, rúcula, escarola, alface, cogumelos, entre outros.

2 – Frutas: Posso consumir todas?

As frutas possuem frutose, que nada é mais do que uma fonte de carboidrato. Por este motivo, é interessante que sejam consumidas junto com fibras, como por exemplo, chia ou linhaça. Aposte nas frutas: morango, melão, coco e abacate.

3 – Proteínas: Quais eu devo consumir ou evitar?

Quando se trata de proteínas na dieta Low Carb, também é possível fazer boas e más escolhas. Em primeiro lugar, é importante entender que elas são essenciais para o bom funcionamento do organismo, pois fornecem aminoácidos. Aposte em proteínas leves como peixes, ovos, soja e quinoa e aves sem pele.

Algumas proteínas, por serem ricas em gorduras, devem ser evitadas, como: bacon, presunto, sobrecoxa, cupim, picanha, entre outros.

+ Confira 4 benefícios da caminhada diária. 

4 – Não se engane

Existem alguns alimentos que parecem ser low carb, mas não são, pois embora possuam baixo índice glicêmico, continuam sendo fonte de carboidrato.

Evite: pães (mesmo os integrais), arroz, cereais, grão de bico, feijão e lentilhas.

5 – Tenha paciência

Para seguir a dieta low carb ou qualquer outro tipo de dieta, é importante ter acompanhamento de um profissional.

Ele será o responsável por realizar exames caso seja necessário, além de indicar qual é a dieta mais indicada para o seu perfil, realizar um plano, alimentar para que a dieta atinja o sucesso e também fazer o acompanhamento dos resultados atingidos e o que pode ser ajustado ou modificado.

Vale ressaltar também, que dietas não atingem resultados do dia para a noite e, por isso, é necessária paciência. Não adianta se restringir de todos os alimentos, emagrecer e logo depois engordar tudo novamente. Tenha um plano responsável e aposte em uma reeducação alimentar.

low carb